Categoria: Beleza

Banho de lua

Banho de Lua

Meninas, não sei se vocês, assim como eu, gostam de descolorir os pelinhos do corpo, especialmente os dos braços, para ficar com a pele lisinha e mais atraente.

Esse tratamento nos salões e clínicas de beleza é chamado de “Banho de Lua”, justamente por deixar a pele mais clarinha e reluzente, como se tivéssemos luz própria como a Lua.

Leia também: Banho de Lua em casa

Eu sempre tive problemas com os produtos utilizados para a descoloração dos pelos, pois irritavam muito a minha pele e dava logo vontade de tirar tudo, além de achar que nos salões e clínicas de beleza cobra-se muito caro pelo “Banho de Lua”.

Então, resolvi fazer eu mesma em casa e fui experimentando vários produtos que encontrava em supermercados ou em lojas especializadas em cosméticos, até encontrar um kit descolorante que não me causasse alergia, e, achei! É o kit Luminance da Niasi. Vem com o pó e a água oxigenada, além de uma baciazinha e uma espátula para misturar. Eu gosto de passar com abundância no corpo inteiro, desde os pés até o pescoço, para ficar tudo clarinho de forma uniforme, mas cada uma dosa o que deseja clarear. Normalmente, utilizo de 2 a 3 kits, mas o bom é que ele é o mais barato de todos, aqui em Fortaleza-CE ele custa em torno de R$ 4,50.

Após passar 20 minutos com ele, pois meus pelos clareiam rapidamente (algumas pessoas talvez precisem de mais tempo), faço um passo-a-passo com produtos de uso diário e comuns, mas que fazem muita diferença se forem usados exatamente eles.

Você já fez banho de lua?
Após retirar o descolorante, faço uma esfoliação com o Bodyactive Creme Esfoliante Corporal O Boticário (R$ 32,90, mas dura várias semanas). Depois da esfoliação, uso o Sabonete Líquido Hidratante Leite da Nívea (R$ 5,25) com uma esponja, após retirá-lo passo o Óleo trifásico Femme O Boticário (R$ 32,90), e, para finalizar, e tem de ser com ela, uso a Loção Fluida Hidratante Desodorante Corporal Chá Verde 400ml O Boticário (R$ 27,90), que pra mim, é o hidratante mais refrescante que existe, uma delícia e ainda deixa a pele tão lisinha.

Se vocês não tiverem o óleo, não tem problema, a loção hidratante de chá verde supre, mas tem de ser ela, tem de ser o descolorante que mencionei e tem de ser o esfoliante também, esses são imprescindíveis.

Vocês vão se sentir muito limpinhas e hidratadas após essa seção de beleza caseira com cara de clínica de estética.

Limpeza de Pele: mitos e verdades. Por que fazer?

Limpeza de Pele: mitos e verdades. Por que fazer?

Limpeza de Pele: mitos e verdades. Por que fazer? ESTETICA
Cravos, espinhas e os famosos miliuns (bolinhas de sebo sob a pele) fazem você estremecer em frente ao espelho? Eles são resultados de impurezas produzidas pelas glândulas sebáceas e que a pele não conseguiu expelir. Para conseguir se livrar deles, só com uma boa faxina no rosto.

Todos os tipos de pele devem passar por processos de limpeza, ou melhor, higienização profunda da pele. A idade ideal para se iniciar a primeira higienização profunda de pele é na puberdade.

Nunca esprema espinhas, pois a inflamação irá piorar. Só um profissional habilitado sabe determinar quais são as lesões que podem ser retiradas, caso contrário, pode gerar cicatrizes.

A frequência da “operação faxina” também depende dos tipos de pele. Quem tem espinhas, precisa do tratamento uma vez por mês. Se sua pele é muito oleosa, a visita pode ser trimestral desde que os cuidados em casa façam parte do seu dia-a-dia. Peles normais pedem limpezas com o mesmo intervalo ou até com um espaço maior.

Leia também: limpeza de pele caseira

Alguns cuidados devem ser tomados para prolongar esse período como:
• Não dormir maquiada. A maquiagem entope os poros, fazendo o rosto encher-se rapidamente de cravos. O uso de demaquilantes é indicado para esses casos mais não dispensa a lavagem com o sabonete.
• Com o sol, a acne apresenta um aspecto melhor, ou seja, ela seca. Mas é ilusório. “Se a pele não estiver devidamente protegida, com filtro solar, o quadro de infecção pode ser agravado, pois aumenta a atividade das glândulas sebáceas”. Essa dica também vale para os banhos quentes.
• O protetor deve ser aplicado 30 minutos antes de sair de casa, reaplicado a cada duas horas ou sempre que houver necessidade. Isso porque o protetor precisa de um tempo para ser absorvido e se você passar quando tiver sob o sol, estará desprotegida por um bom tempo.
• Segundo o dermatologista, existem pessoas consideradas “chocólatras” que nunca tiveram espinhas. O surgimento delas depende da oleosidade da pele de cada um. Não significa que o chocolate faça mal. A pessoa deve notar na dieta alimentar que segue, as alterações na pele e buscar orientação médica. O que o especialista recomenda é que determinados alimentos sejam evitados. Por exemplo: amendoim e carne de porco geram oleosidade na pele, o que pode provocar espinhas. Existem outros fatores que contribuem para o surgimento de espinhas, como o estresse, a falta de atividade física e alimentação inadequada.
• A água não faz mal à pele, porém, o uso excessivo de sabonetes pode retirar a camada de oleosidade necessária para a manutenção da integridade da pele, causando o seu ressecamento, especialmente nos idosos e em cidades com clima seco. Essa retirada também pode estimular a hipersecreção rebote de sebo afinal, nossa pele e super inteligente.
Após a higienização profunda da pele, o aspecto de beleza e saúde só aparecerá após uns dois dias, quando a vermelhidão sede e os locais das extrações cicatrizam. Lembre que nos locais onde aparecem “casquinhas” não se deve arrancar para evitar manchas.

Ao sair da clínica, aguarde 48 horas para a exposição, aplicando, no mínimo, o filtro fator 20 para proteção. A higienização também não deve ser feita em peles bronzeadas, pois as substâncias utilizadas para o procedimento podem causar o aparecimento de manchas que ficam mais evidentes quando o bronzeado some.

Depilação no local da higienização deve ser realizado três dias antes ou três dias após o procedimento. Isso vale para vocês garotos que necessitam se barbear.

Cosméticos que contenham ácidos em sua composição deverão ser evitados nas peles que passaram pelo procedimento pelo menos 36hs apos, pois a sensibilidade é alta. Cremes oleosos também não são indicados, pois podem entupir os poros.

As grávidas que não tenham o hábito de realizar o procedimento devem evitar. Esses métodos podem causar interferência emocional, causando dores ou estresse, sendo prejudicial para a gestante. As que têm, não só podem, como devem fazer com profissionais experientes, pois exigem dermocosméticos específicos para gestantes e não se utiliza produtos com ácidos e nem recursos eletroterápicos. A higienização nesse período contribui para o controle do sebo e previne o aparecimento de acne.

Amigas infelizmente evitar os pontinhos pretos que insistem em marcar seu rosto é praticamente impossível, afinal não dá para frear a oleosidade natural da pele e, menos ainda, encapar o rosto e protegê-lo da poluição os dois fatores que desencadeiam o surgimento dos cravos. O importante é manter a pele limpa, não esquecer-se da manutenção em casa e sempre esta procurando um fisioterapeuta dermatofuncional para colocar a casa em ordem!

Manteiga de cacau

Manteiga de cacau

Obtida pela prensagem das sementes do cacau descascadas, a manteiga de cacau ou Theobroma cacao seed butter , que é seu nome científico e também seu INCI Name (Nomenclatura Internacional de Cosméticos) é um ingrediente vegetal conhecido e amplamente utilizado por pesquisadores e cientistas de todo o mundo em produtos cosméticos de tratamento e beleza.

Leia também: Lábios ressecados

Quimicamente, a manteiga de cacau tem uma composição graxa na qual predominam os seguintes ácidos graxos: ácido oléico ; ácido esteárico; ácido palmítico; e ácido linoléico ou Omega 6. Essa composição graxa permite que ela seja utilizada em cosméticos com a função de protetor e condicionante da pele, e emoliente, benefícios estes reconhecidos pelo banco de dados de ingredientes cosméticos da Comissão Européia, pelo FDA e pela Anvisa.
A exposição as condições ambientais, principalmente de variações de temperatura, pode levar ao ressecamento da pele e dos lábios, portanto a proteção cutânea nestes casos é essencial. Pensando nisso a Natuphitus trouxe ao mercado, há mais de 15 anos, a Manteiga de Cacau Evelize, em duas apresentações para aplicação nos lábios, bastão e líquida na forma de roll on. São formulações ricas em manteiga de cacau além de outros componentes com ação oclusiva e emoliente, isto é, que evitam a perda de água transepidérmica, que é um dos mecanismos de hidratação, e formando um filme de proteção fortalecendo assim a barreira cutânea e protegendo assim os lábios, deixando-os com aparência saudável.
P

Olá quarta-feira! Olá mundo!

Olá quarta-feira! Olá mundo!

A semana por aqui está super corrida e cheia de compromissos de final de ano, mas cá estou eu nessa quarta-feira para trazer uma resenha bem especial. Aliás, bota especial nisso, porque o post de hoje é de produto BBB que ganhou meu coração e que vale cada centavinho que ele custa, que por sinal, nem são tantos centavinhos assim!

Leia também: Óleo de rosa mosqueta silicone

Pare tudo que você está fazendo agora e preste muita atenção nesse post!
Vocês já sabem que eu adoro produtos para hidratar o corpo, certo? Depois que eu aprendi a lidar com os óleos corporais (antes eu fazia a maior meleca, a maior bagunça) eles se tornaram queridinhos absolutos no meu coração.

O problema é que óleos corporais geralmente são caros, e eu ficava com dó de gastar aquela graninha em algum produto novo, sem saber de fato se era bom, até que um dia, caminhando entre as prateleiras de uma perfumaria perto da minha casa, eu me deparo com essa belezinha aí da foto.

Apresentando – Óleo Corporal de Coco da Muriel
oleo-muriel.jppg
Na mesma hora que eu vi eu pensei: óleo corporal de coco da Muriel? Só R$9,00? Não é possível! Vou levar pra testar.

Cheguei em casa, abri a embalagem e de cara já gostei do cheirinho! Um cheiro levemente doce, bem suave, mas na medida certa para não enjoar, e olha que eu nem gosto muito de fragrâncias adocicadas.
Para a minha surpresa, ele também me surpreendeu na qualidade da hidratação da pele e por ter um toque aveludado, sem deixar a pele “peguenta”.

10 Receitas de peeling caseiro

10 Receitas de peeling caseiro

Aprenda a fazer 10 receitas de peeling caseiro e economize tempo e dinheiro

Leia também: Peeling Caseiro receita

Sua pele está se renovando o tempo todo, mas nem sempre o organismo é capaz de eliminar todas as células mortas sozinho. O acúmulo dessas células pode levar à obstrução dos poros, estimulando a inflamação com o surgimento de espinhas, cravos e acne. Fazer um peeling caseiro pode ajudar a fazer a renovação da pele.

Aqui você encontra: [ocultar]

10 Receitas de peeling caseiro
1. Peeling de café
2. Maracujá
3. Mel com fubá
4. Iogurte com aveia
5. Açúcar mascavo com azeite de oliva
6. Mamão, aveia e óleo de coco
7. Mamão com coco
8. Tomate
9. Mel com açúcar
10. Fubá com óleo de coco
Benefícios do peeling
10 Receitas de peeling caseiro
peeling caseiro receitas
Crédito: Freepik
Para deixar sua pele sempre bem cuidada, você deve fazer um peeling ao menos uma vez por mês.

Lembre-se de sempre buscar orientação com seu dermatologista para adequar o melhor peeling para seu tipo de pele.

1. Peeling de café
Ingredientes

Borra de café: 2 colheres (sopa);
Água fria: o quanto baste.

Modo de preparo e uso

Depois de passar o café, deixe amornar;
Com o rosto limpo, aplique a borra ainda morna;
Faça movimentos circulares, massageando por alguns minutos;
Quando sentir que o óleo natural do café está se soltando, pare e deixe por 2 minutos;
Lave muito bem com água fria e hidrate como de costume.
2. Maracujá
Ingredientes

Maracujá: ½ unidade.

Modo de preparo e uso

Bata rapidamente a polpa do maracujá no liquidificador;
Com a pele limpa, aplique a polpa com as sementes;
Massageie o rosto e enxágue com água fria;
Hidrate como de costume.
3. Mel com fubá
Ingredientes

Mel: 1 colher (sopa);
Fubá mimoso: 1 colher (chá).

Modo de preparo e uso

Misture bem os dois ingredientes;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 5 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
4. Iogurte com aveia
Ingredientes

Iogurte integral natural: 1 colher (sopa);
Aveia em flocos finos: 1 colher (sopa), não pode ser farelo.

Modo de preparo e uso

Misture bem os dois ingredientes;
Aplique imediatamente na pele limpa, para não amolecer a aveia;
Massageie e deixe por 5 minutos;
Lave com água fria;
Hidrate como de costume.
5. Açúcar mascavo com azeite de oliva
Ingredientes

Açúcar mascavo: 1 colher (sopa);
Azeite de oliva extra virgem: 1 colher (sopa).

Modo de preparo e uso

Misture bem os dois ingredientes;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 10 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
6. Mamão, aveia e óleo de coco
Ingredientes

Mamão: 1 colher (sopa) bem amassado;
Aveia em flocos finos: 1 colher (sopa);
Óleo de coco: 1 colher (sopa).

Modo de preparo e uso

Misture bem os três ingredientes;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 10 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
7. Mamão com coco
Ingredientes

Mamão bem maduro: 1 colher (sopa);
Coco seco ralado: 1 colher (sopa).

Modo de preparo e uso

Escolha um mamão bem maduro e amasse;
Rale o coco seco in natura;
Misture bem os dois ingredientes;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 30 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
8. Tomate
Ingredientes

Tomate: ½ unidade.

Modo de preparo e uso

Amasse o tomate, sem a casca;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 5 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
9. Mel com açúcar
Ingredientes

Açúcar cristal: 1 colher (sopa);
Mel: 1 colher (sopa).

Modo de preparo e uso

Misture bem os dois ingredientes;
Aplique na pele limpa, massageando;
Deixe por 5 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.
10. Fubá com óleo de coco
Ingredientes

Fubá mimoso: 1 colher (sopa);
Óleo de coco: 1 colher (sopa).

Modo de preparo e uso

Misture bem os dois ingredientes;
Aplique esse peeling caseiro na pele limpa, massageando;
Deixe por 10 minutos e lave com água fria;
Hidrate como de costume.

BICHECTOMIA OU LIPOPLASTIA FACIAL

BICHECTOMIA OU LIPOPLASTIA FACIAL

É a cirurgia estética facial que visa afinar o rosto deixando um perfil mais esbelto e atraente. Para quem tem as bochechas mais volumosas ou o rosto mais arredondado, a cirurgia plastica de redução das bochechas trás uma impressão mais magra e saudável. Consiste na retirada do tecido que dá volume as bochechas, conhecido como Gordura de Bichat.

Leia também: Bichectomia

O tecido gorduroso retirado não funciona como reserva de gordura, ou seja, não desaparece mesmo que a pessoa emagreça como um todo.

Procedimento da Bichectomia
A cirurgia é feita dentro das diretrizes de biossegurança e não necessita de internação. Dura cerca de uma hora. A anestesia é local ou com sedação consciente possibilitando maior conforto.

Pós-operatório
O pós-operatório da bichectomia é muito tranquilo. Normalmente ocorre um inchaço na região, que pode ser tratado com o uso de compressas de água fria. Nos primeiros dias recomenda-se a ingestão apenas de alimentos pastosos e gelados. O retorno às atividades normais pode ser feita no próximo dia evitando esforço físico exagerado.

Resultados após a bichectomia
Aparência mais esbelta, rosto mais definido com a redução do volume das bochechas;
Melhora no contorno da mandíbula tornando a face mais harmônica com o a aumento da proeminência zigomática;
Diminuição de trauma em pacientes que costumam morder a bochecha.

Biotina Bula, O que é, Benefícios e Para que Serve.

Biotina Bula, O que é, Benefícios e Para que Serve

O que é biotina?

A biotina é uma das vitaminas do complexo B, também conhecida como vitamina B7. Já foi chamada de coenzima R e vitamina H, ela é responsável pela saúde dos cabelo e da pele. A biotina é solúvel em água, o que significa que o corpo não a armazena. Tem muitas funções importantes no corpo e benefícios para a saúde em geral.

Para que Serve a Vitamina B7

É necessário para a função de várias enzimas conhecidas como carboxilases. Essas enzimas, que contêm biotina, participam de importantes vias metabólicas, como a produção de glicose e ácidos graxos. Uma ingestão comumente recomendada é de 5 μg (microgramas) por dia em bebês e 30 μg em adultos. Isso equivale a 35 mcg por dia em mulheres lactantes.

A deficiência de vitamina b7 é bastante rara. No entanto, alguns grupos, como mulheres grávidas, podem experimentar isso suavemente. Comer ovos crus também pode causar uma escassez, mas você teria que comer muitos ovos por um longo tempo. A clara de ovo crua contém uma proteína chamada avidina, que se liga à biotina e impede sua absorção. A avidina é inativada durante o cozimento.

Benefícios da Biotina

Benefícios da vitamina b7

A vitamina B7 tem vários benefícios potenciais, conheça alguns deles.

1. Metabolismo de macronutrientes

A biotina é importante para a produção de energia. Por exemplo, várias enzimas precisam funcionar corretamente. Estas enzimas estão envolvidas no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas. Eles iniciam etapas críticas nos processos metabólicos desses nutrientes.

A vitamina B7 desempenha um papel importante para:

Gliconeogênese: Esta via permite a produção de glicose a partir de outras fontes além de carboidratos, como os aminoácidos. Enzimas que contêm biotina ajudam a iniciar este processo.

Síntese de ácidos graxos: A vitamina B7 suporta enzimas que desencadeiam reações importantes para a produção de ácidos graxos.

Degradação de aminoácidos : Enzimas que contêm biotina estão envolvidas no metabolismo de vários aminoácidos importantes, incluindo a leucina

Leia também: Biotina preço

2. Unhas Frágeis

As unhas quebradiças são fracas e facilmente estilhaçadas, divididas ou rachadas. É uma doença comum e estima-se que afeta cerca de 20% da população mundial. A biotina pode beneficiar pessoas que sofrem com unhas quebradiças.

Em um estudo, 8 pessoas com unhas quebradiças receberam 2,5 mg de vitamina B7 por dia por 6 a 15 meses. A espessura das unhas melhorou em 25% para os 8 participantes. O tom das unhas também foi reduzido.

Outro estudo de 35 pessoas com unhas quebradiças encontrou 2,5 mg de vitamina B7 por dia durante 1,5 a 7 meses, melhorando os sintomas em 67% dos participantes.

3. Saúde do Cabelo

Biotina para o cabelo

A biotina é frequentemente associada ao aumento do crescimento do cabelo e a um cabelo mais saudável e forte. Além disso, estudos comprovam que a falta de biotina pode levar à perda de cabelo, indicando que a vitamina é importante para o cabelo.

Recomenda-se que as pessoas com deficiência de vitamina B7 tomem 30 a 100 microgramas (microgramas) por dia. Os bebês e crianças com deficiência de vitamina B7 precisariam de uma dose menor de 10 a 30 mcg, respectivamente. Ainda não foi determinado se melhora o crescimento do cabelo em pessoas saudáveis.

4. Gravidez e aleitamento

A biotina é importante durante a gravidez e lactação. Esses estágios da vida estão ligados a uma necessidade maior dessa vitamina. De fato, estima-se que até 50% das mulheres grávidas podem desenvolver deficiência leve de vitamina B7. Isso significa que pode afetar facilmente seu bem-estar, mas não é grave o suficiente para causar sintomas perceptíveis.

Acredita-se que as deficiências no metabolismo da vitamina b7 no organismo estejam presentes durante a gravidez. Outra grande preocupação é que estudos em animais mostraram que a deficiência de biotina pode levar a defeitos congênitos durante a gravidez.

No entanto, não se esqueça de consultar o seu médico ou nutricionista antes de tomar suplementos durante a gravidez e durante a amamentação. Adicionar alimentos ricos em vitamina b7 à sua dieta não acarreta riscos.

5. Diminuindo o açúcar no sangue em pessoas com diabetes

O diabetes tipo 2 é uma doença metabólica. É caracterizada por altos níveis de açúcar no sangue e função de insulina prejudicada. Pesquisadores investigaram como os suplementos de biotina afetam os níveis de açúcar no sangue em diabéticos tipo 2.

Algumas evidências sugerem que as concentrações de vitamina B7 no sangue podem ser menores em pessoas com diabetes em comparação com pessoas saudáveis.

Estudos em diabéticos que receberam apenas biotina deram resultados mistos. No entanto, vários estudos controlados sugerem que os suplementos de biotina em combinação com o minério de cromo podem reduzir os níveis de açúcar no sangue em alguns pacientes com diabetes tipo 2.

6. Saúde da pele

O papel da biotina na saúde da pele não é bem compreendido. No entanto, sabe-se que pode ter erupções avermelhadas e escamosas se for deficiente.

Alguns estudos também sugerem que a deficiência de biotina pode às vezes causar uma doença de pele chamada dermatite seborreica.

O papel da vitamina b7 na saúde da pele pode estar relacionado ao seu efeito no metabolismo das gorduras, que é importante para a pele e pode ser afetado se a vitamina estiver ausente.

Bula

Antes de pensar em comprar biotina ou qualquer tipo de suplemento você deve sempre consultar seu médico. A vitamina B7 não tem interações conhecidas, mas o seu médico deve confirmar se há alguma interação medicamentosa com a vitamina e outros medicamentos que esteja consumindo.

Além disso, antes de adicionar um novo suplemento à sua rotina, seu médico também pode fornecer informações mais específicas sobre a dose e possíveis efeitos colaterais.

Dosagem

Idade Dose

Recém nascido até os 6 meses 5 mcg

Lactentes 7–12 meses 6 mcg

Bebês: 1–3 anos 8 mcg

Crianças a partir de 4–8 anos 12 mcg

Crianças a partir dos 9–13 anos 20 mcg

Adolescentes de 14–18 anos 25 mcg

Adultos acima de 19 anos 30 mcg

Grávidas 30 mcg

Aleitamento materno, adolescentes e mulheres 35 mcg

A biotina é uma vitamina solúvel em água, o excesso da vitamina no organismo é eliminada pela urina. Isto torna improvável uma possível sobredosagem. Se você desenvolver uma erupção cutânea incomum ou inesperada após aumentar a ingestão da vitamina, entre em contato com seu médico. Em casos raros, isso é uma indicação de uma possível overdose.

Varizes

Varizes

Varizes são veias que se dilatam e ficam tortuosas e deformadas. Desenvolvem-se sob a superfície cutânea, normalmente das pernas, pés e coxas, e podem causar inchaço e dor. Tem coloração azulada, geralmente. Algumas pessoas apresentam microvarizes, que são ramificações minúsculas, de cor avermelhada.

Para entender por que as varizes acontecem, é necessário que se entenda como funciona a circulação sangüínea. As artérias levam o sangue para todas as partes do corpo, sendo que esse sangue é bombeado pelo coração. Já as veias têm como função levar esse sangue de volta para o coração. A pressão sangüínea nesse retorno do sangue para o coração através das veias é bem menor, por isso a circulação depende da ajuda dos músculos da panturrilha para esse trabalho, mesmo porque, o retorno do sangue para o coração é contra a força da gravidade.

As veias das pernas possuem válvulas em um único sentido, que funcionam como travas, impedindo que o sangue retorne para os pés devido à força da gravidade. As varizes – ou varicoses – ocorrem quando há uma falha dessas válvulas, o que causa um acúmulo de sangue, provocando as deformações.

Leia também: o que é Varicell

As varizes podem causar dor, queimação, coceira e palpitação na região afetada. Podem estar associadas graves problemas circulatórios ou a coágulos sanguíneos que podem ser graves. As varizes podem ser classificadas em de pequeno calibre, médio calibre e grande calibre.

A hereditariedade é um dos fatores que podem explicar o aparecimento das varizes em algumas pessoas. As microvarizes costumam a aparecer em pessoas jovens, mas as varizes são mais comuns em pessoas acima de 30 anos. As mulheres são mais propensas a terem varizes por fatores hormonais, tanto em relação ao ciclo menstrual, quanto à gravidez. É comum no período gestacional, o aparecimento de varizes por uma série de fatores. Em uma primeira gestação, normalmente as varizes que surgiram nesse período desaparecem após o nascimento do bebê, o que não acontece da segunda gravidez em diante. Outros fatores que contribuem para o aparecimento das varizes são: a obesidade, o tabagismo, o sedentarismo, tratamentos de reposição hormonal e as altas temperaturas (favorecem a dilatação das veias).

As complicações causadas pelas varizes podem ser inúmeras, sendo as mais graves a formação de úlceras e as hemorragias.

O tratamento das varizes pode ser conservador, ou seja, com o uso de medicamentos para melhorar a circulação sanguínea, e com a utilização de meias finas. Porém, para se evitar complicações, o tratamento cirúrgico é o mais indicado. Essas cirurgias estão cada vez menos agressivas. Existem ainda tratamentos a base de injeções de medicamentos e a base de laser.
Evitar ficar parado em pé sem movimentação, usar meias elásticas, principalmente na gravidez, caminhar para favorecer a circulação, manter o peso corporal e praticar exercícios regularmente são meios de prevenir as varizes.